Meio Ambiente Ultimas Noticias

GUARATINGA: Comunidade de Monte Alegre e ICMBio discutem a criação de Conselho Consultivo do Parque Alto Cariri

Nesta quarta-feira (22/03) o ICMBio – Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade , em parceria com a Prefeitura Municipal de Guaratinga representada pela Secretaria de Meio Ambiente e Turismo discutiram em reunião realizada no povoado de Monte Alegre a criação do Conselho Consultivo do Parque Nacional Alto Cariri, onde cerca de 300 pessoas participaram do evento.

A reunião foi coordenada pela gestora do Parque Adriana Preste, tendo início por volta das 10 horas da manhã na Paróquia São Sebastião em Monte Alegre. A dirigente esclareceu sobre o ato de criação do parque em junho de 2010, em tempo  mostrou a área do parque e a sua zona de amortecimento. De acordo com a gestora o Parque é formado por um complexo de serras separadas por vales profundos, com uma área que abriga o último conjunto de fragmentos de Mata Atlântica de grande porte da região leste do sul da Bahia e nordeste do Estado de Minas Gerais. O objetivo é preservar o complexo de Serras do Alto Cariri, manter e recuperar mananciais e cursos d’água, garantir a manutenção das populações de espécies de mamíferos e aves ameaçadas de extinção e possibilitar o desenvolvimento da educação, pesquisa e turismo ecológico.

Após a fala da gestora, o Secretário de Meio Ambiente e Turismo o Sr. Adalberto Oliveira, falou da parceria que o ICMBio está fazendo com a Prefeitura Municipal de Guaratinga através da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo para que a gestora possa se fazer presente no povoado afim de tirar e encurtar a distância entre o ICMBio e as famílias que vivem dentro do Parque.

Após a fala do secretário, foi aberto para a participação do  público  presente fazer perguntas e esclarecer as dúvidas. As multas aplicadas pelo Instituto foram duramente criticadas pela comunidade que se diz vítima da falta de informação sobre o que é possível ser feito na área do Parque, os moradores estavam apreensivos quanto ao processo de desocupação da área que foi devidamente esclarecido por Adriana, que comentou que o processo de ocupação só ocorrerá depois que for feito uma avaliação das propriedades e os donos da área forem indenizados, portanto a gestora orientou as pessoas a continuar desenvolvendo as atividades praticadas em suas propriedades.

Após os esclarecimentos foram anotados os nomes das pessoas que irão compor o grupo de trabalho que irá conduzir o processo de criação do Conselho Consultivo do Parque.

Por: ASCOM/PMG

Comentarios

Faça seu Comentario

Publicidade: