GUARATINGA – Câmeras de segurança flagraram o momento em que um homem invadiu a capela de Nossa senhora de Fátima E quebrou a imagem da santa. O crime de Intolerância Religiosa ocorreu na madrugada desta quinta-feira (13), na quase Paróquia de São Sebastião no povoado de Monte Alegre, município de Guaratinga. A Policia Civil está investigando o caso.

Nas imagens registradas pelo circuito de segurança é possível ver um homem ainda não foi identificado adentrando o recinto. Ele retira a imagem da Santa que estava em um altar e coloca no chão, em seguida efetua golpes de marreta quebrando-a.

[yotuwp type=”videos” id=”82dFxomTsQg” ]

Pela manhã religiosos da quase paróquia encontraram a imagem destruída e registrou boletim de ocorrência policial para que um inquérito seja aberto, afim de identificar o autor.

Em conversa com o administrador da quase paroquia de Monte Alegre, Padre Danilo, ele informou que a igreja deixou as investigações a cargo da polícia. “Não cabe a nós querer fazer justiça com as próprias mãos ou querer culpar alguém. Pelo contrário, todo ato de intolerância, como sempre, a igreja fez nesses 2 mil anos, respondemos com amor e o que temos a fazer é rezar e pedir misericórdia e conversão para a pessoa que praticou este ato e que o mesmo chegue a luz da verdade e se arrependa”. Disse o Administrador.

Padre Danilo ainda informou que na tarde desta quinta-feira, padres de outras localidades próximas se reunirão na quase Paróquia de Monte Alegre para celebrar uma missa de Reparação, um ato de desagravo de consolo a mãe de Deus pela ofensa cometida durante essa madrugada, a pessoa dela na imagem que a representa na paróquia.

Intolerância Religiosa é considerado crime religioso segundo o Código Penal. A pena prevista é de três anos de detenção.

Por: guarananet.com

 

 

Comentarios

Faça seu Comentario