GuaratingaUltimas Noticias

Vereador Paulo da Costa distribui peixe da Semana Santa e beneficia famílias carentes em Guaratinga

GUARATINGA – O peixe é um dos símbolos da fé cristã, e é também um alimento que não pode faltar na mesa dos cristãos neste período de semana santa. Nos dias 17 e 18 de Abril, o vereador Paulo da Costa, (PT), mais conhecido por “Radiola”, demonstrou solidariedade aos que mais necessitam, quando em uma ação exemplar distribuiu uma tonelada de peixes para cerca de 500 famílias carentes na cidade e zona rural de Guaratinga.

Com o gesto humanitário, o vereador também fomentou o comércio local ao comprar com recursos próprios os peixes de produtores rurais da região guaratinguense. A distribuição foi feita pelo próprio vereador nas residências das famílias carentes dos bairros da cidade e moradores da zona rural.

Fotos: Galeria de fotos do vereador Paulo da Costa

“Podem falar o que quiser, mas ninguém nesse dia tira a minha alegria. Hoje (18/04) acordei preocupada sem saber o que fazer para comer um peixe com os meus netinhos e graças a Deus o vereador apareceu do nada e me ofereceu o peixe que chegou na hora certa. Estou muito grata pelo gesto de bondade de “Radiola”. Ressaltou a senhora Amélia Serafim, 52 anos, moradora do Bairro Novo Horizonte.

“Muitos me criticam, mas não imaginam que um dia eu e meus irmãos também ficamos sem um peixe na mesa no dia da Sexta-feira Santa e isso me comove muito, até mesmo quando sei que muitos também não tem condições de passar esse dia com o peixe em suas mesas e isso não é bom. Graças a Deus hoje estou com condições de oferecer  aqueles que mais necessitam um alimento que não pode faltar na casa de ninguém nesse dia Santo. Essa foi a primeira de muitas ações solidarias que farei. Se Deus quiser tudo vai dar certo para que isso aconteça.” Disse o vereador Paulo da Costa.

A solidariedade do vereador viralizou nas redes sociais, com comentários desmerecedores e outros de apoio. Em meio a tudo isso o vereador fez questão de deixar uma mensagem de reflexão de Rafael Valladão Rocha, que diz: “A felicidade alheia é tão incomoda para alguns, que os mesmo se ocupam tanto tentando estragar a felicidade dos outros, que esquecem de tentarem ser felizes também.”

Por: Estevão Silva – guarananet.com

Comentarios

Faça seu Comentario